CidadesPrincipais

Governador apresenta projeto de estacionamento subterrâneo

Obra oferecerá cerca de dez mil vagas na Esplanada. Edital está previsto para ser lançado em três meses

Em discussão há dois anos entre o GDF e o Congresso Nacional, o projeto do estacionamento subterrâneo na Esplanada dos Ministérios foi apresentado pelo governador Agnelo Queiroz, nesta quinta-feira (31), aos presidentes do Senado, José Sarney, e da Câmara dos Deputados, Marco Maia. O governador, acompanhado do vice-governador, Tadeu Filippelli, explicou aos parlamentares que a expectativa é lançar o edital de licitação em três meses e concluir a obra em até três anos.

A estrutura, que será construída por meio de Parceria Público-Privada (PPP), ocupará área de 340 mil m² e oferecerá cerca de 10 mil vagas, distribuídas em quatro andares. Estudos realizados enquanto o projeto era desenvolvido apontam a necessidade de 7,5 mil vagas nas proximidades do Congresso Nacional.

“Sabemos aonde queremos chegar. Temos um plano de desenvolvimento do transporte urbano no DF. Com o estacionamento, melhoraremos o funcionamento da Câmara dos Deputados e do Senado, com, por exemplo, o desafogamento das vias próximas ao Congresso”, destacou Agnelo Queiroz. O presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia, elogiou a proposta apresentada. “O GDF está de parabéns pois, ao analisar o projeto, sugeriu uma PPP para agregar outros serviços ao estacionamento.”

Mobilidade

No encontro, o governador assegurou que a estrutura, concebida para reduzir o déficit de vagas para veículos na área central de Brasília, é um dos instrumentos da política de Transportes do GDF. Agnelo Queiroz ressaltou iniciativas adotadas para melhorar a mobilidade urbana no Distrito Federal, como a licitação para renovar a frotas de ônibus e a construção do BRT, também conhecido como Expresso DF, que ligará o Gama e Santa Maria ao Plano Piloto.

O governador também citou a demarcação de faixas exclusivas para ônibus nas principais vias do DF, como as estradas parques Núcleo Bandeirante e Taguatinga e as avenidas W 3 Sul e Norte, e ampliação de 6km de linhas do Metrô. Além disso, há previsão de que um trecho do Veículo Leve sobre Trilhos atenda quem trabalha na Esplanada dos Ministérios e prefere deixar o carro em casa. Hoje, uma linha de ônibus executivos presta esse serviço a moradores do Cruzeiro, Octogonal e Sudoeste.

Instalações hoje disponíveis na Câmara e no Senado, como agências bancárias, de viagens e dos Correios e restaurantes, entre outros, poderão ser deslocados para a área do estacionamento. A obra não vai alterar o projeto arquitetônico da Esplanada dos Ministérios.

O secretário de Governo, Gustavo Ponce de Leon, também acompanhou o encontro.

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close