EsportesFutsalPrincipais

Após classificação heroica, AABB/Upis se prepara para quartas da Copa do Brasil

Time comandado por Eugênio Lira superou Porto EC, de Tocantins, na prorrogação. Apesar de desfalques para a próxima partida, elenco crê em vitória

Augusto Fernandes

Especial para o Viver Sports

Foi no sufoco, mas a AABB/Upis conseguiu avançar de fase na Copa do Brasil de Futsal, e já figura entre as oito melhores equipes logo na sua primeira participação do campeonato nacional. Neste sábado (7/7), o clube candango entra em quadra pelas quartas de final da competição diante do Constelação FC, de Roraima. O jogo será realizado na casa do adversário, em Boa Vista.

Nas oitavas de final, o rival dos brasilienses havia sido outra equipe do Norte. Contra o Porto EC, de Tocantins, a AABB/Upis fez dois grandes jogos. A partida de ida aconteceu no Ginásio do Cruzeiro, em 3 de junho, com vitória dos candangos por 6 a 4. Na volta, em 23 de junho, a AABB/Upis chegou a abrir 4 a 0 no placar, e caminhava para uma classificação tranquila. No entanto, os mandantes conseguiram reverter o marcador faltando sete minutos para o duelo acabar, e forçaram uma prorrogação. No tempo extra, a AABB/Upis segurou o ímpeto dos mandantes e venceu por 1 a 0.

O jogo foi marcado por decisões da arbitragem que revoltaram o elenco do clube do DF. O pivô Luiz Carlos de Sousa e os alas João Victor Carvalho e Lucas da Luz acabaram expulsos e serão desfalque neste sábado. Além disso, um dos artilheiros da competição com 5 gols, o ala Weverton dos Santos recebeu o segundo cartão amarelo, e também não estará em quadra no primeiro confronto contra o Constelação FC.

No entanto, o elenco da AABB/Upis não perdeu a confiança. “Nosso time está tranquilo em relação ao campeonato. Sabemos do nosso potencial. Somos muito unidos. Se fizermos o nosso melhor, conseguiremos a vitória. Garanto que cada atleta vai entrar focado desde o primeiro minuto, sem vacilar na marcação e aproveitando cada oportunidade que aparecer”, afirmou o fixo João Marcelo.

Segundo o atleta, sair de quadra com um resultado positivo na partida de ida será importante para as pretensões da AABB/Upis no torneio. “Contra o Porto, sofremos muita pressão da torcida, e com certeza vamos encarar isso outra vez contra o Constelação. Nessas circunstâncias, conseguir uma vitória fora de casa nos dará ainda mais força para alcançar as semifinais e, quem sabe, a grande decisão”, analisou.

De acordo com o técnico da equipe, Eugênio Lira, o principal desafio será substituir os desfalques. “A preocupação maior é encaixar os quartetos. Perdemos atletas que jogavam bastante, e temos que buscar um equilíbrio entre os jogadores que estão à disposição. Felizmente, nosso elenco é muito parelho, e estou certo de que vamos manter uma boa regularidade”, frisou.

Mesmo assim, ele apostou que o clube está ainda mais fortalecido depois dos duelos contra o Porto EC. “Nós viajamos com um número de atletas reduzido. Isso nos complicou, pois terminamos a partida com apenas cinco atletas de linha em condição de atuar. Apesar das adversidades, os jogadores que entraram em quadra se superaram, e temos que repetir essa superação contra o Constelação”, reforçou. Apesar disso, ele alertou sobre a força do adversário. “É uma equipe acostumada a ser campeã. Tem 13 títulos consecutivos do principal campeonato local. Não será fácil.”

Para o gerente de esportes da Upis, Flavio Thiessen, a expectativa é a de que a equipe termine o torneio entre os quatro finalistas. “Estar nas quartas já é uma premiação para tudo o que temos feito nos últimos anos. O objetivo nosso é representar bem o Distrito Federal, e isso já estamos fazendo. Nosso time tem capacidade, assim como todo o futsal de Brasília. Quanto mais longe chegarmos, melhor. É a oportunidade levarmos o nosso nome para todo o cenário nacional”, comentou.

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Close