EsportesFutebolPrincipais

Copa HC fecha em alto nível

A 6ª edição da competição chegou ao fim, sábado (25), com quatro duelos eletrizantes, no estádio Augustinho Lima, em Sobradinho

Quatro confrontos decisivos encerraram a 6ª edição da Copa HC de Futebol de Base 2016. Um a um, não faltou emoção nas disputas pelo título. Destaque para as equipes do Brasília Futebol Academia (BFA), que levaram dois troféus de campeões para casa (Pré-Mirim e Mirim). Os outros dois ficaram com o Estrelinha (Infantil) e com o Galáticos (Juvenil).

Além do BFA, que disputou duas categorias, o Aliança de São Sebastião chegou às finais da Mirim e da Infantil, enquanto o Estrelinha duelou pela Infantil e pela Juvenil.

As disputas

O primeiro duelo valia o caneco da categoria Pré-Mirim. Brasília Futebol Academia e Moura Sports tiveram um confronto equilibradíssimo. As equipes tentavam a todo tempo chegar à meta, mas não conseguiram abrir o marcador. A partida terminou empatada em 0 x 0 e a disputa teria de ser definida nas cobranças de pênaltis.

Se para atletas adultos decisões nas penalidades deixam muitos com as pernas pesando toneladas, imagine para os jovens talentos. Mas a galera do Brasília Futebol Academia mostrou que é preciso manter a calma e fazer sua parte. Foi assim que a equipe Pré-Mirim conquistou o troféu da categoria, com vitória nos pênaltis por 3 x 2 sobre o Moura Sport.

Kelwin (CFZ) foi o artilheiro da competição, enquanto Iago (BFA) conquistou o troféu de goleiro menos vazado.

Se sobrou emoção na decisão da Pré-Mirim, na Mirim não foi diferente. A equipe do Brasília Futebol Academia estava em mais uma final e enfrentou, desta vez, o Aliança, time de São Sebastião. Equilíbrio também foi o forte da partida, mas quase uma repetição do jogo anterior. Final: 0 x 0 e mais uma vez os tiros livres definiram o campeão. Melhor para o BFA que contou com batedores certeiros e levou o troféu para casa.

Lucas Felipe (BFA) acrescentou à conquista da equipe o troféu de artilheiro da competição. Pablo, do Aliança, foi o goleiro menos vazado.

Infantil

Em sua segunda decisão do dia, o Aliança de São Sebastião enfrentou o Estrelinha, pela Infantil, mas não conseguiu encontrar o caminho do gol e foi penalizado por isso, porque o time adversário aproveitou a oportunidade e fechou a partida em 1 x 0, sagrando-se campeão da categoria.

Mais uma vez, um arqueiro do Aliança, o Pedro, fechou a competição como melhor goleiro. Vinícius César, do Estrelinha, foi o artilheiro.

Juvenil

Trocando de lugar com o Aliança, a equipe do Estrelinha, desta vez, é que seguia em sua segunda decisão. O time enfrentou o Galáticos, do Guará, mas não conseguiu o mesmo êxito da Infantil. A garotada do Galáticos estava inspirada e, com placar de 2 x 0, ficou com o título da categoria Juvenil.

Na categoria Juvenil, o Galáticos fez o serviço completo. Além do título, também teve o artilheiro da competição, Rickson; e Jefferson, o melhor goleiro.

Arbitragem

O sábado foi de excelentes duelos e a arbitragem contribuiu bastante para tal. Estiveram no comando das categorias Pré-Mirim e Mirim os árbitros Dirson Garcia e Manoel Ferreira e contaram com os assistentes Acássio e Flávio, respectivamente. As categorias Infantil e Juvenil tiveram no apito Carlos Augusto e Edson Lima, com os assistentes Brito e Venâncio, respectivamente.

O organizador da 6ª Copa HC de Futebol de Base, Hebert Campos, agradece o administrador de Sobradinho, Divino de Oliveira Sales, que abriu as portas do estádio Augustinho Lima; o comandante da PM, tenente Delfino; e o gerente de Esportes de Sobradinho, Laerte César.

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Close