EsportesFutebolPrincipais

De Samambaia para o mundo

Weverson Costa saiu dos campos de terra de Samambaia para brilhar em outros cenários do futebol

Marco Antônio Tchefy
Especial para Viver Sports

Weverson Costa, 16 anos, foi atleta do Naturezinha, equipe de Samambaia, ganhou notoriedade nos campeonatos da região (Lufas), chamou a atenção de treinadores do Brasília Futebol Academia, equipe da cidade, e deu um grande passo em sua carreira. Hoje, o atleta tem contrato assinado com o São Paulo e também já passou pela Seleção Brasileira (Sub-17).

O atleta deu seus primeiros passes na QR 501 de Samambaia, com o professor  Manoel, do Naturezinha. O começo não foi fácil, mas valeu a pena. “Comecei com o professor Manoel, no Naturezinha e também passei pelo Centro Olímpico de Samambaia”, lembra o atleta.

Participando de competições no Distrito Federal, Weverson chamou a atenção dos treinadores do Brasília Academia, que o levaram para a equipe. Lá, segundo ele, a carreira começou a deslanchar. “No Brasília Academia dei início à minha carreira. De lá, fui levado para o São Paulo, time que estou até hoje”, conta Weverson.

Depois das atuações pelo São Paulo, o atleta foi convocado para a Seleção Brasileira Sub-17 no ano passado. Foi tudo muito rápido, mas o jogador de Brasília lembra de sua curta trajetória e revela que deseja seguir carreira no time que o contratou no ano passado.

No Tricolor paulista, Weverson começou atuando no meio-campo, mas logo os preparadores viram que o atleta renderia melhor na lateral esquerda. “Comecei no Tricolor jogando no meio-campo, mas os treinadores perceberam que eu cortava muito para a esquerda, com qualidade e velocidade. Também marcava bem e usava a perna esquerda com mais facilidade. Eles me improvisaram na lateral esquerda, comecei a jogar bem e não saí mais”.

Devido à mudança, o atleta, que se diz fã de Neymar, também passou a admirar Marcelo, lateral esquerdo do Real Madrid. “Meu ídolo é o Neymar, mas sou muito fá do Marcelo, pela posição que jogamos”, comenta Weverson.

Ele conta que a integração no São Paulo é muito boa. “O pessoal do profissional tem conversado com a base, sempre nos orientando e falando que vai pintar oportunidade no futuro”, revela.

Weverson esteve em Samambaia entre março e abril. O atleta veio rever a família e os amigos. Esteve com jogadores das categorias de base de Samambaia  e posou ao lado de seu ex-treinador, Manoel, do Naturezinha.

Simpático e com muitas histórias sobre sua rotina no São Paulo e na Seleção Brasileira Sub-17, o jovem motivou todos os guerreiros da bola e promete ajudar seus amigos e familiares em um futuro próximo.

Ele sabe que está apenas começando e que o caminho é longo, porém, não duvida que coisas boas virão e fala em compensar todos que o ajudaram. “No futuro, vou ajudar quem me ajudou no início da minha carreira. Sou muito grato a todos”.

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Close