EsportesFutsalPrincipais

Decisão do Sub-15 começa com confusão

Aruc sai na frente em jogo marcado por seis expulsões

Augusto Fernandes
Especial para o Viver Sports

A categoria Sub-15 do Campeonato Brasiliense BRB de Futsal começou a ser decidida na noite de ontem (12), no Ginásio do Cruzeiro. Em quadra, Aruc e Abarka mediram forças, e a equipe comandada por Silvandro Arlindo largou na frente, vencendo a Abarka por 6 a 3. Apesar de muitos gols, o jogo ficou manchado por confusões no segundo tempo, e três jogadores de cada equipe receberam cartão vermelho.

A primeira etapa da partida foi bastante truncada. Ambas as equipes estudavam o adversário, e criaram poucas chances de gol. A Aruc, porém, era quem mais tinha posse de bola, e conseguiu balançar as redes primeiro. Após jogada de Rensen pela direita, Caio Victor ficou frente a frente com o goleiro Guilherme e abriu o marcador. Minutos depois, Gabriel Gomes marcou mais um, aumentando a vantagem da Aruc.

Com dois gols atrás, a Abarka teve de aumentar o seu ritmo de jogo, e passou a ameaçar a meta do arqueiro Kelvin, que fez belas defesas. Contudo, o camisa 1 da Aruc não foi capaz de segurar o chute de Rayan Fernando, que marcou o único tento da Abarka antes do intervalo.
Na segunda etapa, a Abarka manteve a pressão, e chegou ao empate com Gabriel Sales. Entretanto, o time voltou a ficar atrás do placar após a expulsão de João Gustavo, que recebeu dois amarelos. Com um a menos, a Abarka viu Pedro Henrique retomar a liderança do confronto para a Aruc. Mas a comemoração da Aruc durou por pouco tempo: rapidamente, Luiz Guilherme deixou o placar igual mais uma vez.

Após isso, as confusões na partida tiveram início. Luiz Guilherme, (Abarka) e Guilherme Alves (Aruc), que vinham se estranhando desde o apito inicial, foram os principais responsáveis. Depois de cometer falta no atleta da Abarka, Guilherme Alves deu um chute em Luiz Guilherme, que estava caído no chão. Revoltado, Luiz Guilherme partiu para cima de Guilherme Alves, e revidou a agressão. Nesse momento, as comissões técnicas de ambas as equipes e torcedores invadiram a quadra. Alguns tentaram evitar a briga, mas outros deixaram a situação ainda pior.

O jogo ficou paralisado por aproximadamente 10 minutos. Após isso, Luiz Guilherme e Guilherme Alves foram expulsos. Iago Luan (Aruc), o Ronaldinho, que também agrediu um atleta da Abarka, foi outro que recebeu cartão vermelho.

Depois que a partida foi reiniciada, a Aruc tratou de definir o confronto. Destaque da partida, Rensen fez dois gols em sequência, e Gabriel Gomes voltou a balançar as redes, sacramentando a vitória da equipe por 6 a 3.

Após o término do jogo, outra briga aconteceu. Dessa vez, ela não durou por muito tempo, mas um atleta de cada equipe foi punido com o cartão vermelho. Gabriel Sales (Abarka) e Hudson de Jesus (Aruc), que trocaram agressões, também foram expulsos, e estão fora da segunda partida da decisão.

O jogo de volta acontece no sábado, às 15h30. O confronto será realizado no Sesc de Ceilândia. O Campeonato Brasiliense BRB de Futsal é organizado pela Federação Brasiliense de Futebol de Salão (Febrasa) conta com o patrocínio do Banco de Brasília (BRB) e com apoio da Bolas Premium, Central Esportes e Malluí Artigos Esportivos.

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Close