Bola cheia

Flávio da Silva Bastos

Nascido e criado em Brasília, Flávio da Silva Bastos, 41 anos, foi destaque em alguns clubes da capital, na década de 1980. Aos dez anos, jogou na equipe dente de leite da Aruc FC. Em 1984, transferiu-se para a categoria de base do Brasília EC. Em 1988, foi convidado para atuar no Goiânia EC. A expectativa em torno do atleta era grande e ele correspondia. Mas duas graves lesões nos joelhos (ligamento cruzado anterior) o impediram de prosseguir na carreira.

Porém, a paixão pelo futebol não permitiu que Flávio abandonasse o esporte. Em 1989, ingressou na carreira de técnico de futebol. Seu primeiro trabalho foi com jovens carentes em projetos sociais. Em sua primeira investida, tornou-se campeão da Copa Dente de Leite de Brasília.

Para Flávio, trabalhar com jovens é muito gratificante. “O que mais me emociona é ver que as sementes plantadas, tempos depois, geram frutos maravilhosos. Não necessariamente com o sucesso no esporte, mas principalmente, com a vitória na vida”, diz.

O trabalho rendeu, em 2006, a sociedade da franquia de futebol Meninos da Vila, do Santos FC. A partir de então, participou de vários estágios em treinamentos e workshops no Departamento de Divisões de Base do Santos FC, adquirindo experiência na formação de atletas para o clube da Vila.

Para ele, ainda falta participação governamental. “É uma utopia, mas gostaria muito que os recursos existentes, que não são poucos, cheguem às mãos de quem realmente faz acontecer”, sonha.

Aos jovens, ele deixa uma mensagem: “O passado é imutável. O futuro não foi prometido a ninguém. Então, façam agora, amem já, acreditem em Deus, rezem, mudem o foco e estudem. E as coisas boas vêm”, finaliza.

Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close