Share

Esporte continua em festa nos 55 anos de Brasília


Ponte_JK___Foto_Mary_Leal_Agncia_Braslia_2__BannerCorrida de rua, semifinais de futebol feminino e torneio de vela adaptada agitam a terça-feira de comemorações

A programação esportiva para celebrar o aniversário de Brasília promete movimentar a terça-feira (21). Sob a coordenação da Secretaria do Esporte e Lazer, a abertura do Circuito de Corrida de Rua da cidade, as semifinais do torneio de futebol feminino e uma competição de vela adaptada no Lago Paranoá são as atrações do dia. Tudo com entrada franca.

“A cidade respira esporte. Desde a semana passada, várias opções de atividades físicas complementam a programação dos 55 anos da cidade, e a presença do cidadão é muito importante para que a festa fique ainda mais completa”, enfatiza a secretaria do Esporte e Lazer, Leila Barros.

Corrida de rua
Com largada agendada para as 9 horas, em frente à Funarte, perto da Torre de TV, a 1ª Etapa do Circuito de Corrida de Rua vai reunir, pelo menos, mil participantes. As inscrições, todas gratuitas, esgotaram-se em 40 minutos no último dia 16. A secretaria convida todos a participarem como torcedor ou pipoca — atleta sem inscrição, kit e medalha e que corre por prazer.

Serão dois percursos: o de 5 quilômetros exige idade mínima de 14 anos, e o de 10 quilômetros, de 16 anos. A entrega dos kits ocorrerá a partir das 7 horas do dia 21, na Funarte. O atleta deverá apresentar protocolo de inscrição, documento de identidade com foto e 1 quilo de alimento não perecível (opcional).

Futebol feminino
Chegou a hora de saber quem avança à final do 1º Torneio Feminino de Futebol de Brasília. Na manhã desta terça-feira (21), no dia dos 55 anos de Brasília, duas equipes serão definidas como finalistas da competição.

A partir das 9 horas, no Estádio Walmir Campelo Bezerra (Bezerrão), no Gama, o time da casa recebe o Clube Recreativo e Esportivo dos Subtenentes e Sargentos da Polícia Militar do DF (Cresspom-DF). Às 11 horas é a vez de o Minas/Icesp medir forças com o Planaltina/Fúria Negra. Os portões do Bezerrão estarão abertos e não será cobrada entrada.

Dentro de campo, entre outras craques, estarão a artilheira do torneio, Sthefanny Oliveira (Planaltina), com quatro gols marcados; e um duelo entre as goleiras Mariel Carvalho e Juliana Rosa Dias, respectivamente do Cesspom e do Gama, que ainda não sofreram gols. Destaque também para a vice-campeã brasileira pelo Kindermann, de Santa Catarina, a meio-campista Dani Helena: “O Cresspom vem com uma equipe forte, e nosso objetivo é sermos campeãs, mas temos de passar por esse duelo das semifinais”.

“As meninas estão muito motivadas, pois as equipes que avançarem se encontrarão na grande decisão, no dia 25, no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha”, antecipa a chefe do Departamento de Futebol Feminino da Federação Brasiliense de Futebol, Camila Orlando. “O jogo do título será preliminar do primeiro confronto da final do Campeonato Brasiliense masculino (Candangão), e isso motiva ainda mais as atletas.”

Vela adaptada
As águas do Lago Paranoá serão o palco da disputa da 1ª Taça Brasília de Vela Adaptada — destinada a atletas com algum tipo de deficiência. A disputa reunirá 12 competidores na raia do Clube Cota Mil, a partir das 9 horas, com premiação prevista para as 12h30. Quem quiser acompanhar poderá acessar gratuitamente a área da competição.

O torneio tem previsão de duração de 40 minutos, tempo em que os esportistas levam normalmente para percorrer os 2 quilômetros delimitados por boias no lago. “Os atletas estão eufóricos, e a rivalidade será grande quando for dada a largada”, garante o coordenador técnico e um dos organizadores do evento, Bruno Pohl.

 

Fonte: Ádamo Araujo, da Agência Brasília