CidadesEsportesFutebol

Exposição retrata final da Copa do Mundo de 1962

Foto: Roberto Castro/GDF
Foto: Roberto Castro/GDF

Começou hoje (13) e vai até o próximo dia 27 a exposição Cinquentenário da Copa do Mundo de 1962–Chile, aberta em cerimônia no Teatro Nacional com presença de jogadores como Pepe, Zito e Amarildo, que fizeram parte da conquista do bicampeonato brasileiro no mundial.

“Essa exposição relembra um fato extraordinário para nosso país, uma vitória que marcou. Toda a população e os turistas que chegarem para a Copa das Confederações terão uma oportunidade única”, destacou o governador Agnelo Queiroz, presente na abertura da mostra.

A exposição, que também traz textos e súmulas da partida, objetos da época, camisa de jogadores, conta com painéis de fotos que retratam grandes momentos do futebol brasileiro durante a final do mundial – contra a Tchecoslováquia – e tem como um de seus principais atrativos uma réplica da taça que o Brasil trouxe para casa na ocasião, a Jules Rimet.

Para o meio-campo Zito, a exposição é um resgate histórico: “É uma forma de rememorar coisas boas que aconteceram. Participar daquela Copa foi uma grande oportunidade, e hoje os jogadores querem sempre nos superar, mas ainda não conseguiram”, brincou.

SELO

Durante a solenidade, a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) lançou dois selos com imagens da final da Copa de 62, que integram a Série Relações Diplomáticas e têm o objetivo de lembrar o aniversário da partida – dia 17 de junho.

Os selos, que mostram cenas da partida realizada no Estádio Nacional de Santiago – com dribles eternizados pelas duas seleções -, têm a bandeira dos países para simbolizar a harmonia nas áreas política, comercial, econômica e diplomática.

Os selos, com tiragem especial de apenas 360 mil unidades, devem, segundo a ECT, virar raridade e terão valor de R$2,75.

A solenidade de abertura da exposição Cinquentenário da Copa do Mundo de 1962 – Chile contou também com a presença de jogadores Coutinho, Altair e Jair Marinho, além dos tchecoslováquios Stibrany, Masopust, Jelinek.

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close