CidadesEsportesPrincipais

Inscrições abertas para a 2ª Olimpíadas de Ceilândia 2013

Fabiane Rodrigues

 

João Cleber, coordenador das Olimpíadas de Ceilândia
João Cleber, coordenador das Olimpíadas de Ceilândia

Estão abertas até o dia 29 de maio as inscrições para a 2ª edição das Olimpíadas de Ceilândia. Os jogos serão realizados entre os dias 7 a 29 de junho, nas quadras, campos, praças, Centro Olímpico Parque da Vaquejada e Centro Poliesportivo.

Serão 14 modalidades, sendo elas: atletismo, basquetebol, dominó, futebol de campo, futebol society, futsal, karatê, tênis de mesa, vôlei de área, handebol, voleibol, xadrez e dama, bem como a natação, que ainda está sendo definido.

Podem participar crianças, jovens, adolescentes, idosos, moradores ou pessoas que trabalhem ou estudem em Ceilândia.

Para o coordenador e Idealizador da 2ª Olimpíadas de Ceilândia, João Cleber Fernandes de Araujo, 43 anos, a idade é variável. Há modalidades que crianças de 5 e 6 anos podem participar, como natação e jiu-jítsu. Karatê e outras na fase da adolescência, a partir dos 12 anos. Tênis de mesa, futebol, futsal começam a partir dos 7 anos. “A máxima depende de cada capacidade física, condicionamento físico dos atletas, como temos os jogos de mesa, dama, xadrez, acredito que haverá pessoas de 60 a 70 anos participando”, conta.

As Olimpíadas de Ceilândia foram criadas pela Administração Regional de Ceilândia em parceria com a Coordenação Regional de Ceilândia, Sesc, Federações Esportivas, instituições esportivas e agentes da comunidade. Surgiu com a ideia de apresentar o que a cidade tem de esporte. “Existem vários grupos que trabalham com diversos projetos na área de esporte e isso fez com que juntássemos tudo e, a partir daí, realizássemos as Olimpíadas de Ceilândia”, destaca o coordenador.

Tudo começou em 2009 e um ano depois foi realizada a primeira edição das olimpíadas, que teve a participação de aproximadamente três mil pessoas, tendo como grande destaque a região de Ceilândia Sul, bairro que conquistou o maior número de medalhas.

Neste ano, a expectativa é muito maior. Estamos fazendo uma divulgação bastante ampla. “Acreditamos que a estimativa de participantes chegará a mais de 5 mil pessoas. Será muito bacana e esperamos que a comunidade participe mesmo. Neste momento, queremos gerar essa influência nas crianças, adolescentes e jovens, tanto que não têm limites. O foco é trabalhar bastante na questão da base das crianças, elas que irão fazer com que as olimpíadas dê continuidade”, espera João Cleber.

Cada cidade pode ter mais do limite de inscrições estabelecido. Serão feitas seletivas, uma forma de atender todos os inscritos. “Temos uns pré-requisitos, como por exemplo, cada setor tem um coordenador técnico, que é um profissional da área da educação física que irá analisar a capacidade física de cada pessoa, se estão ou não em capacidade de participar”, destaca João Cleber.

Os interessados em participar podem baixar a ficha de inscrição ou acessar o site da Associação de Garantia ao Atleta Profissional do Distrito Federal no endereço www.agap-df.com.br, para tirar dúvidas ou demais informações sobre os jogos podem ser obtidas pelo telefone (61) 3581-6880 ou através do e-mail olimpiadasdeceilandia@gmail.com.

 

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. E a primeira vez que irei participar, acho muito legal pois e um modo de tirar muitos jovens do mundo das drogas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close