2014Editorial

O esporte revela atletas e cidadãos de bem

Kátia Sleide Editora-chefe
Kátia Sleide
Editora-chefe

Sempre fui muito empolgada com a força do esporte. É uma ferramenta que, se bem usada, tem um poder enorme nas comunidades, principalmente, as mais carentes. Não apenas por revelar atletas de ponta, mas por formar cidadãos de bem em um mundo que nos assombra com tantas coisas ruins.

Hoje, quero apresentar aos nossos leitores uma pessoa muito especial, que me cativa por suas ações na Expansão de Samambaia. Seu nome é João Paulo Pimentel, ou simplesmente, JP. Um jovem de apenas 16 anos, mas que tem uma grande força na região. Tanto que há dois meses, algumas pessoas solicitaram um espaço para que pudessem expressar o carinho, respeito e gratidão que têm por ele.

Cedi e fiquei encantada com tantas palavras de peso direcionadas a JP. Primeiro, porque concordo com tudo o que foi dito. Depois, porque me emociono com o fato de as pessoas darem valor a esse jovem batalhador, quando muitas vezes ouvimos que ninguém enxerga essas boas ações.

Samambaia me encanta por sua grandeza, por suas lideranças, por seus atletas e por seu potencial em geral. Essa atitude é mais uma prova de que a região é, sim, repleta de pessoas do bem, como JP, presidente do Águia Dourada Esporte Clube; Antônio Gomes, presidente do Curumim; Janio Cosmiro; Jairo Santos; Patrick e toda a diretoria da Lidex’S; Evaldo; o presidente da Lufas, Alexandre Valotto (Galeguinho); Jean; Farion Souza, diretor das categorias de base da Lufas e presidente do projeto social Shalke; Josenaldo Silva (Lino), gerente de Esporte da cidade; Ester Pereira, presidente da Liga Desportiva BJ de Samambaia; Josy Silva; Bicudo, Jajá e os demais do Massa Real; e tantos outros.

A caminhada de João Paulo está apenas começando, mas ele teve em vocês, líderes do esporte, muita inspiração e exemplo. Cada um colaborou com um pouco. A união de todos só virá contribuir mais ainda para a formação de bons atletas, assim como de cidadãos do bem.

Quero deixar registrado o meu carinho, respeito e admiração por João Paulo. Sua história, meu jovem, é repleta de capítulos dolorosos, mas você soube sair das situações penosas com a cabeça erguida. Consegue buscar forças não sei de onde para manter essa galerinha acreditando que dias melhores virão.

Seu poder de liderança e companheirismo pode te levar a lugares cada vez melhores. Nunca desista dos seus sonhos e mantenha sempre um sorriso no rosto. Embora a responsabilidade seja grande, saiba que você é um espelho para uma boa parcela de jovens de Samambaia. Sempre que precisar, conte comigo. Você é um vencedor, mesmo que ainda falte alguns degraus para conquistar. Sucesso em todos os seus projetos, meu jovem guerreiro do esporte de Samambaia!

“É difícil buscar motivos para driblar os percalços da vida. Mas é muito compensador, pois as ações te dão a certeza de que está no caminho certo”
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. Boa noite Katia, mas uma vez excelente colocação acho justo a homenagem que possa a ser um incentivo para o Jovem JP, algum tempo me perguntaram o que seria do esporte aquí na Expansão sem o JP, eu respondí que continuaria a ser do mesmo jeito pois o JP não me ajuda em nada e desde o tempo que trabalho com a comunidade ele ainda não havia nascido. Admiro a coragem dele de enfrentar barreiras e dificuldades em encarar os desafios, mas o que muita gente não sabe que ele pode se tornar um mal exemplo para os jovens pois ele está bebendo com frequência, não está mais estudando, qual será o futuro desse garoto? será que ele pretende ter uma vida digna sem estudo, sem profissão? ja disse a ele que o esporte é somente um complemento de um trabalho e faz parte do lazer, nao uma profissão. Acho o trabalho social gratificante mas tem que ser feito com responsabilidade pois nossos atos servirão de espelho para nossos seguidores, um abraço.

  2. Obrigada pelas suas colocações, Jairo. Agora, o JP sabe o quanto é importante para grande parte dos jovens da Expansão. Espero que tenha maturidade para servir de exemplo e não entrar nos caminhos tortuosos da vida. Dificuldades, como sabemos, enfrentamos a todo tempo. O que não podemos é esmorecer. E realmente, sem estudo, não vai a lugar algum. Que sirva pelo menos de alerta para que ele procure se manter no caminho certo.

    Kátia Sleide

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close