2012Editorial

O futebol que a gente tanto gosta

Algumas pessoas ainda questionam o gosto pelo futebol. Mas nós, brasileiros, nem nos preocupamos em responder. Apenas nos debruçamos sobre a admiração pelo esporte e não nos esforçamos em dar nenhuma resposta para tais questionamentos.

Pensando nessa paixão, é possível, para a equipe do ViverSports, argumentar sobre esse bem querer. E não vamos nos importar em falar tecnicamente sobre o esporte, mas, sim, sobre seu poder. Ou melhor: seus poderes.

Aqui no Brasil, qual o esporte que mais rende assuntos, independentemente, da torcida? o futebol. Qual é o tema mais discutido e cheio de polêmicas, que preenche as segundas-feiras? Tirando as mazelas dos acidendes e mortes violentas, sobra o futebol.

Andando pelas regiões administrativas do Distrito Federal, seja campo de terra, sintético, gramado ou quadra poliesportiva, o que mais se vê é futebol. Acordar domingo cedo, quando muitos querem estar na cama, descansando, curtindo uma preguicinha e o descomprometimento do dia de folga, o esporte que vai contra tudo isso é o futebol. Ou seja, a modalidade tem um poder enorme de manter uma grande parcela da população brasileira em torno de uma bola.

E não apenas para mexer o esqueleto e colocar os músculos para funcionar. Vai além disso. O dito esporte rende histórias de superação, de paixão, de comprometimento e, mais importante que isso tudo, de união, integração, respeito e lazer.

Mesmo uma parcela pequena, que tem outras opções de lazer, não abre mão de reunir amigos para praticar a modalidade. E quando o assunto chega em comunidades mais carentes, aí, sim, é que se percebe o poder de união que o futebol tem.

No último fim de semana, cerca de 300 pessoas estavam em volta do campo sintético de Santa Maria, assistindo à partida final do Torneio de Aniversário da cidade. Pais, mães, filhos de colo, outros mais crescidinhos e adultos fizeram uma grande festa na decisão da competição. O registro é algo que, sinceramente, mais se vê no futebol.

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close