Cidades

Polícia Militar treina cães para Copa do Mundo

Animais serão utilizados para detectar explosivos, drogas e armas durante mundial de futebol
Animais serão utilizados para detectar explosivos, drogas e armas durante mundial de futebolcopa do mundo

A três meses da Copa do Mundo, a Polícia Militar prepara os cães da Corporação para atuarem na segurança dos jogos. São 23 animais que estão sendo treinados para detectar explosivos, drogas e armas.

Nesta quinta-feira (13), os cães farão o treinamento em ônibus semelhantes aos usados pelas delegações dos países participantes do mundial de futebol.

O exercício faz parte do curso internacional de detecção de substâncias promovido pela PMDF. Além dos policiais de Brasília, participam militares de Roraima, Tocantins, Amazonas, Ceará, da Força Aérea Brasileira e do Paraguai.

De acordo com o coordenador do curso, capitão Renato Cezário, o cão é mais eficiente que os equipamentos usados para esse fim. “O cão tem uma amplitude de varredura maior que qualquer máquina inventada até hoje.” Em um espaço como o Estádio Nacional de Brasília, três cães conseguem fazer a varredura de todo o local em menos de três horas.

Ainda segundo o capitão Cezário, as máquinas precisam ser calibradas constantemente e devem ser operadas de perto por um policial, o que aumenta o risco de acidentes na aproximação de objetos suspeitos.

ROTINA

A Polícia Militar usa cães das raças labrador e pastor belga e alemão para a detecção de drogas e explosivos. Os animais são treinados desde o nascimento, mas só ficam aptos ao serviço a partir dos 3 anos de idade.

Para não estressar o animal em operações de varredura cada cão trabalha no máximo 45 minutos e descansa o triplo do tempo.

 

SERVIÇO:

Treinamento cães da Polícia Militar do DF

Data: 13/3/14

Horário: 9h

Local: Garagem do Grupo Amaral, no Setor de Garagens Sul, lote 03, próximo à garagem da Viplan

Fonte: Agência Brasília

 

 

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close