2011Editorial

Respeito ao sonho de cada um

Nesta edição, trazemos uma matéria com os observadores técnicos do São Paulo Futebol Clube, Leiva Duarte e Cícero Gomes (Tupã), que falam sobre a profissão de “olheiros”. Eles estiveram em Brasília por 12 dias e acompanharam vários atletas que participam dos inúmeros campeonatos de futebol de base que estão sendo realizados no Distrito Federal e Entorno.

Os dois atuam na profissão há muitos anos e falam do prazer que sentem em descobrir talentos. Porém, também expressaram suas opiniões com relação à preparação dos atletas, seus sonhos, estudos e carreira. Durante a conversa, a dupla chama a atenção para uma questão que pode até parecer irrelevante, mas que faz muita diferença na vida dos jovens: a interferência dos pais no sonho dos filhos.

Segundo eles, muitas famílias são apaixonadas por futebol e alguns pais, por se sentirem frustrados em não ter conquistado um lugar ao sol na carreira de jogador profissional, acabam transferindo seus sonhos para os filhos, o que muitas vezes não resulta em situação positiva para o atleta no futuro.

É claro que a maioria dos jogadores que estão atuando almeja chegar ao sucesso, ao reconhecimento do talento. Porém, é preciso observar que nem todos conseguirão. E nesses casos, é a família, como observa Tupã, quem fará toda a diferença para que o jovem siga adiante.

Portanto fica a dica: deixem que as crianças descubram o que querem fazer mais à frente. Permita que elas tenham no futebol momentos de prazer, de lazer e de descobertas. Orientem para que elas coloquem os estudos em primeiro lugar, pois somente assim, serão vencedoras. Serão cidadãos preparados para a vida.

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close