Esportes

Brasil completo para estreia nos Jogos de Lima 2013

ggggggA capital peruana amanheceu um pouco mais verde e amarela nesta quinta-feira, dia 19. A segunda parte da delegação brasileira para os Jogos Sul-americanos da Juventude desembarcou nesta madrugada em Lima e se juntou ao restante do grupo para a estreia no evento. Com a delegação brasileira completa, cem jovens talentos do esporte nacional vivem a expectativa dos momentos que antecedem o início da competição, a partir deste sábado, dia 21. Ao todo, oito modalidades abrem a participação brasileira: boxe, ciclismo, esgrima, natação, remo, tênis, vela e vôlei de praia. A cerimônia de abertura será realizada nesta sexta-feira, dia 20, às 21h30 (horário de Brasília), na Plaza de Armas. O Brasil participa de todas as 22 modalidades do programa esportivo do evento.

A piscina olímpica do Campo de Marte será o palco das provas de natação. O local foi sede do Campeonato Mundial Júnior da modalidade, em 2011. Agora, volta a receber uma competição de grande porte, que reunirá os melhores nadadores da nova geração do continente sul-americano. Entre os brasileiros, 12 atletas representarão país. Muitos deles já possuem experiência em eventos internacionais e competem entre adultos em torneios nacionais.

Com o cabelo prateado e cheio de estilo, Rodrigo Berti é um dos destaques da equipe. O paulista de 17 anos, natural de Guarulhos, nadará sete provas individuais, além dos revezamentos. “São muitas provas, mas treino para isso. Vou conseguir nadar bem todas as provas. Essa competição é muito importante, pois vai reunir os melhores do continente. É importante para ver como o Brasil está em comparação com os outros países”, destacou Rodrigo, do Corinthians, que revelou ter pintado o cabelo com a cor prateada após perder uma aposta para um amigo. Rodrigo foi sétimo colocado no último Campeonato Brasileiro Absoluto, Troféu José Finkel, nos 200m medley. “O cabelo é prateado, mas o objetivo é o ouro”, brincou Rodrigo, que tem como grande meta para 2014 a classificação para os Jogos Olímpicos da Juventude de Nanjing.

A grande maioria dos jovens com até 17 anos da delegação brasileira nunca participou de um evento multiesportivo internacional. A ansiedade para a estreia é amenizada pelas atividades montadas pelo Comitê Olímpico Brasileiro em uma área de convivência no hotel onde está hospedada a delegação. Internet, vídeo game e uma mesa de tênis de mesa transformaram o local no ponto de encontro dos atletas nos intervalos dos treinamentos.

“O que o COB fez aqui é muito bom, principalmente para a gente relaxar e não ficarmos tão ligados na competição. Esse momento de termos um lazer e nos divertimos é muito bom. Quando vai chegando perto da competição, a adrenalina vai subindo, aumentando a ansiedade”, afirmou Mirna da Silva, atleta de 16 anos, do atletismo, que competirá nos 100m e 200m. A paulista esteve presente no Campeonato Mundial Juvenil, em Donetsk, na Ucrânia, em julho, onde chegou à semifinal dos 100m. A jovem está aproveitando os momentos antes da competição em Lima para interagir com atletas de outras modalidades.

Além do centro de convivência e do contato com atletas de outras modalidades, os novos talentos do esporte brasileiro contam com o apoio do atleta olímpico Sebástian Pereira, chefe da missão brasileira, para transmitir experiência nos momentos antes da estreia. “Costumo mostrar para eles que, apesar de ser um evento nos moldes olímpicos, eles devem encarar como mais uma competição como qualquer outra. O que eu coloco sempre para os atletas mais jovens é que todo trabalho já realizado no Brasil foi o melhor possível. Se treinaram aquilo que foi previsto, não tem com que se preocupar. É chegar na competição e fazer o melhor possível”, aconselhou Sebástian. Fonte: timebrasil.cob.org.br

 

Tags
Mostrar Mais

Viver Sports

A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close