Estádio Bezerrão recebe novo sistema elétrico e de segurança

0
20

Reforma de um dos ícones do esporte do Distrito Federal recebeu investimento de mais de R$ 3 milhões do GDF e cumpre recomendações do Estatuto do Torcedor

O Gama está cada vez mais perto de receber o Estádio Bezerrão renovado. Nesta semana, as equipes trabalham na manutenção das paredes, revestimentos e redes elétrica e de combate a incêndios.

A parte de Sistema de Detecção e Alarme de Incêndio (SDAI) está sendo finalizada, com a troca das mangueiras e um sistema de alarme novo e automatizado. Geradores novos também estão sendo instalados.

Toda parte elétrica foi renovada, com a recomposição de infraestrutura, troca de iluminação, lâmpadas, acendedores e tomadas. As partes de revestimentos dos banheiros e vestiários também estão sendo concluídas, desde a substituição das cerâmicas que estavam caindo ou com problemas de patologia até a instalação de dispensers de sabonete e suporte de papéis higiênicos.

Também está na reta final a pintura da ala leste e interna do estádio. Quanto aos elevadores, um já está funcionando e outro com orçamento para liberação. A verificação de catracas está sendo executada, assim como a de cadeiras – que, segundo o Estatuto do Torcedor, precisam ser todas numeradas.

Todas essas informações são de acordo com o chefe da Assessoria de Obras e Infraestrutura da Secretaria de Esporte e Lazer, Carlos Mohamed. Ele afirmou que nesta semana será feita uma nova reunião com órgãos de segurança para que eles possam fiscalizar tudo que foi apontado anteriormente no primeiro relatório feito sobre as condições do Estádio Bezerrão.

“Creio que todos os apontamentos que eles fizeram anteriormente – que é essa parte de fissuras, redes elétrica e incêndio, vigilância sanitária, sifões e hidráulica – já está finalizando ou está finalizada. Acreditamos que, com a nova visita, já é possível conseguir a liberação do estádio, nem que de forma parcial, com pelo menos a liberação de algumas alas”, destaca Mohamed.

“Estamos trabalhando para entregar um estádio renovado, que tenha condições de receber grandes jogos. Além disso, o espaço faz parte da história de construção do Gama. Então, quem ganha também é a população e os torcedores”, ressalta o secretário de Esporte e Lazer, Julio Cesar Ribeiro.

Artigo anteriorInscrições abertas para passeio ciclístico no Parque da Cidade
Próximo artigoVoa Festival traz diversidade musical e inicia comemorações dos 45 anos do Parque da Cidade
Viver Sports
A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site