Rua do Lazer na W3 Sul passa a ter pista exclusiva para ciclistas

0
17

Fonte: Secretaria de Esporte e Lazer do DF

Hoje foi o primeiro dia que a Rua do Lazer, na W3 Sul, contou com a faixa exclusiva para usuários de bicicletas, skates e patinetes. Na última semana, o Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF) iniciou a primeira fase da sinalização da via.

Em toda a extensão da Rua do Lazer foram instaladas cinquenta e nove placas. A avenida W3 passa, então, a ser dividida assim: as três faixas no sentido norte-sul, ao lado das quadras 700, são para ciclistas. No sentido contrário, sul-norte, ao lado das quadras 500, as três faixas são para pedestres. Agentes do órgão também estiveram no local para explicar a novidade e dar dicas sobre a convivência entre pedestres e ciclistas.

O chefe do Núcleo de Campanhas Educativas de Trânsito, Miguel Videl, enfatiza: “No trânsito, o maior sempre cuida do menor”.

Ana Luiza Ribeiro, estudante de 21 anos,  pedalava quando foi abordada por um agente e convidada a participar de um bate-papo sobre deveres e direitos dos ciclistas. “É a primeira vez que venho. Costumo ir ao Eixão, mas achei muito melhor aqui, mais vazio e ainda teremos uma via só para bicicletas”, pontua.

O secretário de Governo, José Humberto Pires, esclarece que a demanda por sinalização veio da população e logo foi submetida a avaliação do Detran-DF. No departamento, verificou-se que havia viabilidade e relevância em executar a demarcação das vias de uso restrito a cada usuário, pois traria mais segurança. “Em razão disso, estamos adotando uma sinalização especial. É uma característica de cidades mais modernas essa delimitação de áreas para pedestres e ciclistas, e evita o confronto entre os dois”, afirma o secretário de Governo.

Moradora da região, a aposentada Maria da Paz Santos, elogia a ação do Detran-DF e a iniciativa do GDF. “Foi a melhor ação já realizada. Agora temos um espaço para trazer as crianças para brincar, posso caminhar tranquila. Sem contar que ganhamos mais qualidade de vida”, ressalta a aposentada. Ainda na avaliação dela, domingo e feriados passam a ter outro sentido. “Uma calmaria, sem sons de buzinas e carros”.

Agentes de fiscalização do Detran-DF também distribuíram material educativo e máscaras de proteção facial para os frequentadores.

Rua do Lazer

A secretaria de Esporte e Lazer apoia e busca a expansão do projeto. A chefe da pasta, Celina Leão, conta que desde que entrou na secretaria quer democratizar, cada vez mais, o esporte.

“As ruas de lazer estão chegando em todas as cidades, estamos provocando as regiões administrativas e o projeto evolui em cada cidade do DF. Com o apoio integral do GDF, as ações estão acontecendo e a população praticando esporte, que é importante no combate à Covid-19”, afirma Celina Leão.

A secretária comenta ainda sobre a nova sinalização na W3 Sul, como já acontece no Parque da Cidade. “Com o mesmo espaço sendo dividido entre crianças, animais de estimação, pedestres, corredores, bicicletas, patins, skates e triciclos é acidente na certa. Dessa forma, cada um tem espaço único para a prática esportiva e não ocorre nenhum episódio grave entre eles”, conclui.

POR AGÊNCIA BRASÍLIA 

Artigo anteriorUso de piscinas está liberado em clubes recreativos do Distrito Federal
Próximo artigoAtletas do DF viajam pelo Compete Brasília para o Rio de Janeiro
Viver Sports
A voz do esporte amador no DF e Entorno, chega a versão 2.0 de seu novo Site